22 de novembro de 2016

RS reduzido

O pacotão anunciado pelo governador Sartori reduz consideravelmente a máquina administrativa.
Entendo que os três pilares que devem ser plenamente atendidos pelo governo são a saúde, a segurança e a educação.
Na minha visão, o Estado não é banqueiro, logo, urge a privatização dos bancos públicos. Ao mesmo tempo, a TVE não deveria ser extinta, mas, sim, otimizada, incorporada pela Secretaria da Cultura, também reestruturada.
Enfim, já é um começo para o reequilíbrio do RS, mas que deve ser aprimorado. Agora a palavra está com o legislativo gaúcho.







Nenhum comentário:

Postar um comentário